POLÍCIA DE CHOQUE

O Batalhão de Polícia de Choque – BPChq é uma organização policial-militar da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, sendo sua única unidade voltada para o controle de distúrbios civis em áreas abertas e fechadas, entre outras atividades diferentes das exercidas no início de sua criação, como por exemplo, as forças tático-móveis.

Subordinado ao Comando de Unidades Operacionais Especiais (Cmdo UOpE), sua sede situa-se no Regimento Marechal Caetano de Farias, um dos quartéis mais aintigos da corporação, no bairro do Estácio na área central da cidade do Rio de Janeiro, e tem como área de policiamento todo o estado do Rio de Janeiro.

Possui dentro de sua organização outras unidades especializadas como o Grupamento Tático de Motociclistas (GTM), o Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (GEPE), as Rondas Ostensivas Coronel Nazareth Cerqueira (RONaC) e o Grupamento de Polícia Ferroviária (GPFer).

Em 2006, o Batalhão de Polícia de Choque ofereceu seu primeiro curso de especialização nessa área, tendo a primeira turma sido formada por cadetes da Academia de Polícia Militar Dom João VI. Estuda-se agora a criação de um novo curso: Curso de Operações de Choque, com maior duração, que estaria disposto a formar policiais não só na área de Controle de Distúrbios Civis, mas em todas as atividades desempenhadas hoje pelo batalhão, ensinando inclusive técnicas anti-bombas aos cursandos.

O batalhão ministrou seu primeiro Curso de Operações de Choque em 2008, curso esse com duração de três meses, e no ano de 2009 esta ministrou o curso de CCDC, Controle de Disturbios Civis, com duração de dois meses, o primeiro aberto para toda corporação.

Possuiu a maior reserva de material bélico da PMERJ.

Fonte: www.ptt.wikipedia.org

Deixe uma resposta